Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /var/www/html/funnygirl.com.br/web/wp-content/themes/gonzo/includes/widget_areas.php on line 154 and defined in /var/www/html/funnygirl.com.br/web/wp-includes/wp-db.php on line 1246
Coletiva "NINE - Um Musical Felliniano" - Funny Girl

Coletiva Nine - Um Musical Felliniano

Published on maio 20th, 2015 | by Maiara Tissi

0

Coletiva “NINE – Um Musical Felliniano”

Releitura do clássico cinematográfico 8 ½ de Fellini, Nine – Um musical Felliniano chega ao Teatro Porto Seguro com elenco de tirar o fôlego sob direção de Charles Möeller e Claudio Botelho.

Na última segunda-feira, acompanhamos a coletiva de imprensa que apresentou a trama do cineasta Guido Contini no ápice de sua crise criativa, perturbado pelas musas sensuais e opressoras que o envolvem. Realizada no recém inaugurado Teatro Porto Seguro, em São Paulo, a reunião mostrou a versão brasileira em quatro números musicais e conversa com equipe de produção e elenco.

Nine - Um Musical Felliniano

Adaptada musicalmente por Claudio Botelho e regida pelo maestro Paulo Nogueira, as canções de Nine pulsam em um leque de diferentes ritmos ao longo da peça. As sensações aguçadas pela coreografia de Alonso Barros ganham vida em nossos olhos graças as luzes do premiado Paulo César Medeiros, que, por sua vez, trabalha em conjunto com o cenógrafo Rogério Falcão e a coordenadora artística Tina Salles. Equipe de talento e muitos anos de estrada em musicais cria ambientes e temperaturas no cenário físico minimalista, preenchido pelas mulheres poderosas do elenco, que o percorrem em uma mistura de leveza em sua elegância e brutalidade pelo impacto de sua presença na mente do protagonista Guido.

Durante a coletiva, equipe criativa fez questão de explicar o quanto a montagem se trata de uma adaptação do musical da Broadway em cartaz no início dos anos 1980, baseado fielmente no filme italiano de 1963, e não na repaginada recente de Rob Marshall que chegou aos cinemas em 2009. Apesar das indicações ao Oscar de melhor figurino, direção de arte, canção e melhor atriz protagonista (para Penélope Cruz no papel da amante Carla), o filme de Marshall usou de sua licença poética para adaptar diversos papéis e seguiu um caminho diferente do original.

Nine - Um Musical Felliniano

Nas mãos da dupla MöellerBotelho, Nine volta a se espelhar na obra de Fellini, assim como em sua vida, já que 8 ½  é uma autobiografia sem pudor ou receios. A história, que já esteve a ponto de ser produzida por eles outras vezes, é agora realizada no momento certo, segundo Charles Möeller. Nesta semana, o diretor estreou também na televisão com o seriado Força na Peruca, o qual escreveu, dirigiu e produziu. Um tanto Guido Contini, Möeller admitiu sempre se envolver de maneira pessoal com os espetáculos que monta. Fato perceptível nos resultados de suas peças, já que sua própria imersão se torna a imersão dos atores, dos técnicos, e, por fim, dos espectadores, que não conseguem se desgrudar do palco até a cortina final.

O título da dupla MöellerBotelho de Reis do Musical, afinal, não é à toa, mas sim, resultado de muito trabalho. Completando quase vinte anos de atuação na produção de teatro musical no Brasil, Nine – Um musical Felliniano marca a trigésima quinta produção da dupla, entre adaptações da Broadway e do West End e criações nacionais, como foi o caso do belíssimo Milton Nascimento – Nada Será Como Antes (que também acompanhamos a coletiva e publicamos uma resenha).

Nine - Um Musical Felliniano

Como de costume em suas produções, a dupla faz mais uma vez questão de mesclar em seu elenco nomes já conhecidos de parcerias anteriores, nomes inusitados e outros grandes talentos do teatro musical ainda não conhecidos pelo grande público. Entre os membros da família MöellerBotelho estão Malu Rodrigues, atriz de apenas 21 anos, mas já super veterana no teatro musical, protagonista de espetáculos como O Despertar da Primavera e O Mágico de Oz, no qual contracenou com seu atual Guido, o italiano Nicola Lama, que à época era o doce Homem de Lata.

Letícia Birkheuer e Carol Castro estreiam nos palcos musicais, enquanto Myra Ruiz é o talento que promete ser destaque na peça ao interpretar Saraghina, personagem que também ganha mais tempo e profundidade para estabelecer sua relação com o pequeno Guido, papel dividido entre os meninos Nicolas Cruz e Gabriel Ferrarini. A intitulada “cereja do bolo” é Beatriz Segall, atriz que dispensa apresentações e volta ao teatro para encarnar a mãe de Guido, interpretada por Sophia Loren no filme de Marshall, papel dentre os quais recebe uma repaginada ao voltar às origens na versão brasileira.

Nine - Um Musical Felliniano

Repaginada esta que pode ser percebida não apenas na vertente dramática da peça como também em sua estética. Desde os cenários e luz já comentados até os figurinos, feitos nesta montagem pelo renomado Lino Villaventura, que traz ao palco um trabalho digno de desfile de mais alto calão, em uma coleção que segue um padrão ao mesmo tempo em que reflete a personalidade de cada uma das musas que cercam Guido.

Os fantasmas, traumas e pressões da vida e carreira de Guido Contini o perseguem e enlouquecem nesta jornada para criar mais uma obra de sucesso. Em um misto de sonhos e realidade difícil de distinguir uma camada da outra, Guido interpretado por Charles, Claudio e toda esta grande equipe, promete fazer com a plateia o que faz com todas as suas musas: encantar e perturbar em iguais proporções, garantindo nada menos do que uma hipnose de sensualidade.

 

 

Nine - Um Musical Felliniano

IMG-20150518-WA0042

Nine - Um Musical Felliniano

Nine - Um Musical Felliniano

Nine - Um Musical Felliniano

Nine - Um Musical Felliniano

Nine - Um Musical Felliniano

Nine - Um Musical Felliniano

Nine - Um Musical Felliniano

 

Veja todas as imagens no nosso álbum!

Crédito de imagem: Lenise Medeiros.

 

NINE – UM MUSICAL FELLINIANO

Um espetáculo de Charles Möeller & Claudio Botelho

ELENCO

Beatriz Segall
Carol Castro
Leticia Birkheuer
Malu Rodrigues
Mayana Moura
Myra Ruiz
Nicola Lama
Totia Meireles

EQUIPE

Direção Musical e Versão Brasileira: Claudio Botelho
Cenografia: Rogério Falcão
Figurinos: Lino Villaventura
Coreografias: Alonso Barros e Charles Möeller
Design de Som: Ademir Moraes Jr.
Design de Luz: Paulo Cesar Medeiros
Direção Musical e Regência: Paulo Nogueira
Visagismo: Beto Carramanhos
Coordenação Artística: Tina Salles
Produção Executiva: Edson Lopes

SERVIÇO

Teatro Porto Seguro
Alameda Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos – São Paulo

De 23 de maio a 9 de agosto
Quintas, Sextas e Sábados, às 21h. Domingos, às 19h.

Duração: 2h15
Classificação etária: 12 anos
Lotação: 508 lugares

Ingressos:

Quintas e Sextas
R$ 80 (Frisa/Balcão), R$ 100 (Balcão Vip), R$ 150 (Plateia) e R$ 180 (Plateia Vip).

Sábados e Domingos
R$ 100 (Frisa/Balcão), R$ 130 (Balcão Vip), R$ 180 (Plateia) e R$ 200 (Plateia Vip).

Vendas: www.ingressorapido.com.br
Funcionamento da Bilheteria: terça a sábado, das 13h às 21h e domingos, das 12h às 19h
Formas de pagamento: Débito: Visa Eléctron/ Redeshop /
Crédito: Amex/Visa/Mastercard/Dinners/Hipercard | Não aceita pagamento em cheque / Vale Cultura
Acessibilidade
Estacionamento: Estapar – Al. Barão de Piracicaba, 618

Serviço de Vans:

De terça a sexta: das 19h à 0h
Aos sábados, das 13h à 0h
Aos domingos: das 13h às 23h
Itinerário: Estação Luz – Porto Seguro – Estação Luz (saída Praça da Luz / Rua José Paulino)

Site: www.teatroporseguro.com.br

 

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,


About the Author

Criadora e editora-chefe do site Funny Girl. Apesar de ter prestado vestibular para Rádio e TV e adorar dar uma de jornalista, Maiara é cineasta por formação. Residente em São Paulo, suas grandes paixões são o cinema e o teatro, embora também não resista a um bom livro e seja levemente viciada em seriados de televisão.



Comments are closed.

Back to Top ↑