Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /var/www/html/funnygirl.com.br/web/wp-content/themes/gonzo/includes/widget_areas.php on line 154 and defined in /var/www/html/funnygirl.com.br/web/wp-includes/wp-db.php on line 1292
Crítica: "Ferrugem e Osso" - Funny Girl

Cinema

Published on abril 27th, 2013 | by Maiara Tissi

2

Crítica: “Ferrugem e Osso”


foto_ferrugemeosso_01
Já faz quase um ano que Ferrugem e Osso foi exibido pela primeira vez, para um público seleto, no Festival de Cannes. Desde então o longa dirigido por Jacques Audiard (O Profeta) pôde ser visto em diversos outros festivais ao redor do mundo. Sua estreia nos cinemas brasileiros estava prevista para o início deste ano, porém foi adiada devido ao grande sucesso de seu conterrâneo Amor, para evitar a concorrência entre eles nas bilheterias.

Finalmente, na próxima sexta-feira, dia 6, o público brasileiro terá a oportunidade de assistir essa sensível obra de Audiard, quem também é responsável pelo roteiro do filme. A trama se divide entre Alain, um pugilista aspirante que de repente tem a responsabilidade de cuidar de seu filho e para isso pede a ajuda da irmã, e Stéphanie, uma treinadora de um parque aquático que vive de forma egoísta e irresponsável. O destino, então, traça o caminho dos dois no momento em que um mais precisa do outro, mesmo que eles não se deem conta disso.

2 foto_ferrugemeosso_04Ferrugem e Osso é especial por não se tratar apenas de uma história de superação, como tantas outras por aí, e por não se definir em um gênero, não se limitando a ser apenas um drama ou um romance. O longa traz de forma sensível e verdadeira as vitórias e derrotas vividas por estas pessoas e como elas respondem ao que acontece com elas. O enredo apresenta ao espectador um amor que nada tem a ver com os Hollywoodianos. Aqui, testemunhamos um amor sem explicação, sem um início exato ou regras pré determinadas, mas um amor que é gerado por uma ligação única e natural entre duas pessoas.

De forma crua e particular, Jacques Audiard faz um filme que emociona tanto por seu roteiro como por suas interpretações de altíssimo nível, entregues pelos atores Marion Cotillard (Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge) e Matthias Schoenaerts (A Espiã). Intenso, Ferrugem e Osso é a opção ideal para quem procura por uma história diferente dos corriqueiros blockbusters e para quem não tem medo de ver a vida como ela é, registrada e exibida em tela grande.

Trailer:

Tags: , , , , , , , ,


About the Author

Criadora e editora-chefe do site Funny Girl. Apesar de ter prestado vestibular para Rádio e TV e adorar dar uma de jornalista, Maiara é cineasta por formação. Residente em São Paulo, suas grandes paixões são o cinema e o teatro, embora também não resista a um bom livro e seja levemente viciada em seriados de televisão.



2 Responses to Crítica: “Ferrugem e Osso”

  1. Pingback: Funny Girl | A sua amiga com as melhores novidades e dicas sobre cultura, entretenimento, moda e beleza!

  2. fabiola vargas says:

    Miga, achei sensacional o filme! Fui assistir sozinha, e nos primeiros 10 minutos de filme, mesmo se tivesse ido com alguém, iria esquecer todo o mundo.
    fui transportada a um mundo onde só existia eu e o filme, onde casa emoção foi multiplicada por 10!!
    extraordinária a direção e a fotografia do filme.
    Ótimo texto sobre o filme, Parabéns!

Back to Top ↑