Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /var/www/html/funnygirl.com.br/web/wp-content/themes/gonzo/includes/widget_areas.php on line 154 and defined in /var/www/html/funnygirl.com.br/web/wp-includes/wp-db.php on line 1292
"I'm Getting My Act Together..."! - Funny Girl

Crítica

Published on agosto 16th, 2013 | by Miriam Spritzer

0

“I’m Getting My Act Together…”!

26GETTING_SPAN-articleLarge-v3A terceira e última peça do Encores! Off-Center foi I’m Getting My Act Together and Taking it On The Road. O título interminável certamente deixou a dúvida se este teria sido um musical de sucesso quando foi lançado em 1978. Porém, ao pesquisar descobri que o musical ficou em cartaz no circuito off-broadway por três anos. Por retratar muito sobre feminismo e por seu estilo de música, a peça teve bastante reconhecimento na época em que esteve em cartaz.

A trama conta a história de uma cantora, Heather, que está comemorando o seu 39o aniversário e preparando um novo show. Durante um ensaio, ocorre uma discussão entre ela e o seu empresário, Joe. Enquanto ela queria passar como imagem de uma mãe solteira, lutadora e independente, ele queria vender uma mulher linda e sexy.

Admito que o musical não me prendeu muito logo de cara, estava achando okay, mas nada incrível. A história não parecia ser tão relevante para mim e muitas musicas no inicio não foram tudo aquilo que eu esperava. Até que na segunda parte do show, algo maravilhoso aconteceu…Depois de uma hora de show, finalmente o meu mundo parou para ouvir e ver aquelas duas cenas e canções seguidas uma da outra. E isso é a magia do teatro musical! Nos melhores musicais essa sensação de não importa o que acontece na rua dura durante quase todo o show, mas alguns precisam apenas de uma cena para criar algo totalmente mágico.

tn-500_sm,jennifersanchez,reneeelisegoldberry,gmat03,byjoanmarcusOs dois números foram “Old Friend”, em que a cantora homenageia o seu empresário que mesmo tendo uma visão completamente diferente dela está sempre ao seu lado, e a versão acústica e Reprise de “In a Simple Way I love You”, tocada e cantada por Jason Rabinowitz, onde ele declara o seu amor pela colega que é vinte anos mais velha que ele. Eu não sei sobre ela, mas eu fiquei perdidamente apaixonada pelo rapaz depois dessa cena!

Do elenco de músicos e atores super forte, destaco a talentosissíma Renée Elise Goldsberry, no papel de Heather, e sua grande intensidade emocional, além da voz magnifica, Frederick Weller, que carismaticamente soube mostrar o lado jerk e amável do personagem Joe, e, claro, o encantador Jason Rabinowitz, quem manteve o mesmo carisma que apresentava em One Man Two Guvnors, e parecia ser quem mais se divertia no palco.

Dirigido e coreografado pro Kathleen Marshall com forte participação das criadoras do musical Gretchen Cryer e Nancy Ford – que estavam presentes no dia do espetáculo -, a peça pareceu agradar aos fãs do original. Assim, mais uma ótima temporada se encerra e ficamos na expectativa da próxima!<

tn-500_gettingactcurtainwm01114699

Tags: , , , , , , ,


About the Author

Apaixonada por New York e pela Broadway, sou aquela pessoa que vê cinco peças em um fim de semana, acompanha revistas e sites de moda e frequenta o MOMA mais do que a academia. Além de correspondente do Funny Girl na Big Apple, trabalho em coaching e vivo pelo mundo competitivo das performing arts como cantora, atriz e ex-bailarina clássica.



Comments are closed.

Back to Top ↑