Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /var/www/html/funnygirl.com.br/web/wp-content/themes/gonzo/includes/widget_areas.php on line 154 and defined in /var/www/html/funnygirl.com.br/web/wp-includes/wp-db.php on line 1246
Paul McCartney em Nova York! - Funny Girl

Diretamente de NY DSC00032

Published on junho 13th, 2013 | by Miriam Spritzer

0

Paul McCartney em Nova York!

DSC00039Paul McCartney em Nova York! O cantor teve seu primeiro show da turnê “Out There” na Big Apple neste sábado, dia 08. Obviamente, como uma beatlemaniaca assumida, não relaxei até que tivesse os ingressos para o show na mão. Então, aviso, não procure por imparcialidade neste post, sou SUPER fã do Paul McCartney e assumo!

Convenhamos, estamos em tempos em que a música que toca nas rádios não é mais atemporal como nas gerações anteriores (não estou entrando em discussões filosóficas, apenas apontando um fato), por isso qualquer chance que temos de assistir estas lendas musicais nos palcos, é preciso agarrar com as duas mãos. Já tive a sorte de assistir algumas dessas lendas pelo menos uma vez, mas mais sorte ainda é que esta foi a segunda vez que assisti algum show de Paul McCartney ao vivo, e preciso dizer que foi ainda melhor que a primeira!

O setlist foi incrível! Como sempre, McCartney fez uma mistura entre músicas mais conhecidas da época dos Beatles, com as do Wings. Entre histórias engraçadas e músicas maravilhosas, o show não para nunca, e a sensação é que suas três horas de duração passam voando. O pique que Paul tem no palco é inacreditável. Durante as quase quatro horas de show, ele não demonstrou um sinal de exaustão e admito que não o vi beber água uma vez!

DSC00028A setlist teve quase 40 canções, sendo “Eight Days a Week” a música de abertura. O show de fogos do Live and Let Die permanece no show e o encerramento da primeira parte é “Hey Jude”, também como de costume. Os dois bis tiveram em quatro músicas cada, incluindo “Get Back” no primeiro e abrindo com “Yesterday” no segundo, afinal, sabemos que o show só pode acabar depois que ele toca “Yesterday”.

Sim, o show foi bem extenso como já disse, mas verdade seja dita, o público teria ficado por ali mais outras quatro horas. Não é surpresa que durante o show Paul toca diversos instrumentos musicais. E isso é sempre impressionante, mas mais do que isso, o que é realmente emocionante é ver o quanto ele se diverte durante o show. McCartney brincava muito com os outros membros da banda assim como com a participação do público. A troca era constante. E por falar em público… a noite contou com presenças ilustres. Além da filha estilista Stella McCartney, acompanhada da amiga Cameron Dias, o Prefeito Bloomberg também estava por lá.

Sem grandes efeitos visuais, o espetáculo claramente tem foco na música. De cenário, apenas telões que emitiam o show ao vivo ou efeitos visuais e fotos relacionado ao que estava sendo tocado. Além disso, foram feitas algumas homenagens para suas filhas, esposa, Jimmy Hendrix e, claro, para os Beatles que já faleceram, George Harrison e John Lennon, todas extremamente emocionantes.

Confiram as imagens que eu fiz durante as performances de “I’ve Just Seen a Face” e “Something”:

 

 

 

Bom, needless to say, Paul McCartney em Nova York com o espetáculo Out There foi um dos melhores shows que eu já assisti! Fiquem atentos, caso ele for para a sua cidade, recomendo highly conferir o show.

DSC00053

DSC00019

DSC00040

DSC00062

DSC00003

 

 

Tags: , , , , , , ,


About the Author

Apaixonada por New York e pela Broadway, sou aquela pessoa que vê cinco peças em um fim de semana, acompanha revistas e sites de moda e frequenta o MOMA mais do que a academia. Além de correspondente do Funny Girl na Big Apple, trabalho em coaching e vivo pelo mundo competitivo das performing arts como cantora, atriz e ex-bailarina clássica.



Comments are closed.

Back to Top ↑